Conselho de Ética ratifica necessidade de aprimoramento dos sistemas de compliance dos associados


Data de Publicação: 14/12/2023
Conselho de Ética ratifica necessidade de aprimoramento dos sistemas de  compliance dos associados

O Conselho de Ética do Instituto Ética Saúde realizou a última reunião do ano, em 13 de dezembro, com a definição de diretrizes e metas para 2024.  

O presidente, Celso Grisi, e os membros, Edson Vismona, Antonio Fonseca e Paulo Silva, analisaram as realizações de 2023 e desenharam um plano de ação junto aos associados e setor saúde, como um todo, no próximo ano. Foram discutidos, desde aprimoramentos das instruções normativas, até iniciativas para o fortalecimento da integridade das empresas associadas. Os membros destacaram a importância de novas parcerias com instituições de ensino, órgãos reguladores e organizações de saúde, para o alcance desses objetivos.

Um dos pontos centrais da agenda foi a ratificação da profunda necessidade de aprimoramento dos sistemas de compliance dos associados, através da identificação de suas necessidades mais imediatas, e de ações corretivas, objetivando o aumento do grau de maturidade de seus sistemas de gestão.

O Conselho se comprometeu ainda com a divulgação de pesquisas e melhores práticas em ética na saúde, que possam contribuir para o avanço do conhecimento e influenciar positivamente políticas públicas e normas de comportamento de autorregulação.

“O Instituto Ética Saúde encerra o ano com entusiasmo, antecipando um futuro em que práticas éticas não são apenas um padrão, mas uma força impulsionadora que transforma positivamente o cenário da saúde”, conclui o assessor de Compliance, Marlon Franco.

Também participaram da reunião o diretor de Relações Institucionais, Carlos Eduardo Gouvêa, o diretor executivo, Filipe Venturini Signorelli, e a secretária executiva, Cibele Martins.


Voltar para o topo